Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2015

Perdi as contas de quantas vezes disse adeus.

Parece covardia não querer encarar a realidade: você se foi e não quero admitir.
É que um pedaço me falta, e eu não posso ver esse pedaço tão meu preenchendo outros quebra-cabeças que já foram preenchidos por tantas outras peças. É que não consigo ver uma peça única sendo tratada como outra qualquer, mas você insiste, porque é isso que você quer.
A cada noite uma nova tentativa de dar adeus. "Essa é a última vez que me importo, essa é a última vez que tento saber, que vejo se está bem." E fica só na promessa esses tantos adeus, e eu juro que já perdi as contas. Já se passou tanto tempo, mas no meu mundo - vulgo meu coração - fazem apenas dias, talvez horas que o relógio insiste em girar... E eu sempre acho que de uma maneira ou de outra, irei de encontrar de alguma forma, recuperar tudo o que perdi.
Tento não me culpar, analisando todos os fatos, situações e momentos (desde os bons até os ruins)... Em vão. Não posso ser culpada por um sentimento que nasceu, mas te acuso por…